24 de novembro de 2015

Quiksilver MIMPI Film Festival 2015


Fotos: Francisco Costa, Filipe Marques e Victor Naine //

Premiação final do festival aconteceu no último domingo.

Durante os dias 19 e 22 de novembro aconteceu a etapa carioca do Quiksilver Mimpi Film Festival 2015. Depois da última edição em Porto Alegre, a quarta na história do festival, o evento chegou ao Rio de Janeiro, levando mais de 4.000 pessoas a Fabrika, no Alto da Boa Vista.

A segunda edição do MIMPI em terras cariocas foi sucesso absoluto, recebendo atrações como a festa Selvagem, os djs Zeh Pretim + Zedoroque, Yugo, Xabu, Guigo, Carrot Green, Lê Almeida, Rodrigo Peirão, a cantora jamaicana Sister Nancy, as bandas Holger, Séculos Apaixonados, Mahmed e o cantor canadense Mac DeMarco.

O festival, que acontece desde 2012 em Porto Alegre e chegou ao Rio de Janeiro em 2014, teve em 2015 20 filmes premiados em diferentes categorias, representando o melhor da produção audiovisual de diversos países e repercutindo internacionalmente. Em 21 horas, foram exibidos 124 filmes de skate e 116 produções de surf de 15 países diferentes, totalizado 109 finalistas.

“Ficamos cada vez mais felizes em ver o festival ganhando proporções globais. Ter o surfista free rider Craig Anderson curtindo com a gente e o Mac Demarco fechando de maneira épica essa celebração faz o evento ganhar ainda mais força. Foram 4 dias de pura buena onda, numa energia e intensidade incríveis graças ao público presente, que fez com que essa segunda edição do MIMPI no Rio se tornasse memorável”, disse Pedro Perdigão, editor da Void e um dos organizadores do MIMPI.

“Para a Quiksilver é um prazer imenso apoiar esse projeto que incentiva a produção audiovisual nacional e internacional. O evento foi um sucesso e superou mais uma vez, as expectativas. Esse ano tivemos o privilégio de trazer o nosso free surfer Craig Anderson que além de prestigiar todos os dias do MIMPI, apresentou a sua mais nova produção com o Diretor Kai Neville, Welcome Elsewhere”, declara Rogério Boccuzzi, gerente de marketing da empresa.

O Quiksilver Mimpi Film Festival, projeto contemplado pela lei de incentivo à cultura do Ministério da Cultura (MinC), fortalece o seu compromisso em ser um festival que procura formar uma seleção dinâmica e diversificada de filmes. Mais do que isso, é um espaço para multiplicar ideias sobre o cenário do surfe e do skate atual.

Confira os vencedores da premiação internacional:

SURF:

Melhor Edição/ Best Edition Wind and Wild Waves – Nelson Pinto (BRA)

Roteiro/ Best Screenplay Freezing – Rob Lockyear e Jeremy Joyce (ENG)

Melhor Fotografia/ Best Cinematography

Light Therapy – Riley Blakeway (EUA)

Melhor Trilha/ Best Soundtrack Península – Luca Merli (ITA)

Longa Metragem/ Best Feature Film Faroes: The Outpost Vol. 02 – Ben Weiland e Chris Burkard (EUA)

Melhor Curta/ Best Short Film Light Therapy – Riley Blakeway (EUA)

Melhor Doc/ Best Documentary Península – Luca Merli (ITA)

Prêmio do júri/ Jury Special Award When your dreams speaks – Bruno Zanin (BRA)

Prêmio MIMPI (Inovadores)/ MIMPI Special Award Sea Sun Flower – Pablo Aguiar e Manoela D’Almeida (BRA)

SKATE:

Melhor Fotografia/ Best Cinematography

Signature – Kristijan Stramic (ESL)

Melhor Edição/ Best Edition Insight – Jan Minol (REP TCHECA)

Melhor Roteiro/ Best Screenplay DCDC – Chris Tuss (EUA)

Melhor Trilha Sonora/ Best Soundtrack Bounced – Romain Batard (FRA)

Prêmio Especial do Juri – Melhor Vídeo Arte/ Jury Special Award – Best Art Direction Ratsrepus – Fabiano Rodrigues (BRA)

Prêmio Especial do Juri – Ideia Original/ Jury Special Award – Best Original Idea VX 1000 OHNE – Janosch Pugnaghi (ALE)

Melhor Doc/ Best Documentary Spot Delivery Tour 2015 – Simon Weyhe (DNK)

Melhor Curta/ Best Short Film The Edge of Arabia – Patrik Wallner (ALE)

Melhor Longa/ Best Feature Film Propeller – A Vans Skateboarding Video – Greg Hunt (EUA)

Prêmio MIMPI/ MIMPI Award Skatevision – Dillon Buss (EUA)

Menção honrosa/ Honorable Mention Mixed – Ivan Freitas (BRA)