Vinícius Costa surpreende e é campeão em Ponta Grossa

Sexta etapa do Circuito Profissional – NSB terminou no último domingo, na cidade paranaense. No Feminino, a gaúcha Thaisa Serafini comemorou sua quarta conquista na temporada 2018.

O título da sexta etapa do Circuito de Squash Profissional – NSB é do catarinense Vinicius Costa. No último domingo, na final do torneio, no Clube Ponta Lagoa, em Ponta Grossa (PR), Vini – que entrou na disputa como wild card – surpreendeu o número 2 do País, Rafael Alarcon, de São Paulo (SP), vencendo por 3 games a 0: 11-6, 11-4 e 14-12. No sábado (4), na semifinal, já havia sido destaque, derrotando o líder do ranking, o também catarinense Pedro Mometto por 3 a 2 (8-11, 11-5, 11-9, 6-11 e 13-11). Rafael chegou à decisão ganhando de Murilo Fernandes (SP) por 3 a 0 (11-6, 11-4 e 11-5).

Ao receber o wild card (convite) dos organizadores para Ponta Grossa, Vinicius disse que ia treinar para buscar o título e conseguiu, derrotando inclusive os dois principais jogadores do ranking. No domingo, nos dois primeiros games da final diante de Alarcon, dominou totalmente a partida. Depois, um terceiro game muito equilibrado, com chances para os dois lados, definiu a etapa. Ao longo do torneio, venceu também o paranaense Roni Conceição nas quartas de final e o paulista Kiki Silva, na primeira rodada, ambos por 3 a 0.

“Quero agradecer pelo convite. Joguei com ídolos meus nesta chave. Ontem (sábado), contra o Pedro, foi o melhor jogo da minha vida. Hoje (domingo) fiquei emocionado por ganhar do Rafael, embaixador do squash. Não tenho palavras para estes dias incríveis. Estou muito feliz”, afirmou Vinicius, que é de Florianópolis e comemorou muito ao final da partida.

“Posso dizer que perdi não por deficiência técnica ou física, mas por ter como adversário um jogador que foi mais corajoso desde o início da partida, em busca dessa vitória e desse título. Já ganhei do Vinícius, ele de mim. E agora é seguir”, destacou Rafael, embaixador dos Correios, que é goiano e mora em São Paulo há 20 anos.

Thaisa vence mais uma

No Feminino, o grande destaque do Circuito NSB na temporada 2018 é a gaúcha Thaisa Serafini, de Caxias do Sul. Em cinco etapas realizadas este ano, a número 2 do ranking no País venceu quatro – São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF) e, agora, Ponta Grossa. No Paraná, repetiu a final do Distrito Federal, diante da líder do ranking, Juliana Pereira, de Ribeirão Preto (SP), e mais uma vez ficou com o título. Juliana tem uma conquista, em Belo Horizonte (MG).

Na decisão do domingo, em Ponta Grossa, Thaisa marcou 3 games a 0 em Juliana (11-2, 11-5 e 11-7). Para chegar à final, a gaúcha derrotou Luiza Carbonieri (SP) também por 3 a 0 (11-3, 11-5 e 11-0). Já Juliana passou por Karen Redfern (SP) por 3 a 1 (11-8, 11-7, 9-11 e 11-8).

Thaisa deixou a quadra emocionada. “Quero parabenizar a todos do Circuito, com o NSB sempre melhorando, assim como aos jogadores e a Juliana, pelo excelente jogo”, observou a campeã. “É sempre um ótimo evento, nos recepcionando muito bem. Sem falar na Thaisa, uma ótima competidora”, garantiu Juliana.

Com a participação dos principais nomes da modalidade, o Circuito Profissional – NSB já passou por São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Natal (RN) – apenas com disputa no Masculino – e, agora, Ponta Grossa (PR) . Nas quartas de final, semifinais e finais, os jogos puderam mais um vez ser acompanhados ao vivo na página do facebook do NSB e no canal do Youtube do NSB. É o maior campeonato da modalidade, reunindo 150 atletas, entre eles os melhores do País. A próxima etapa, a sétima da temporada, será em Florianópolis (SC), entre os dias 20 e 23 de setembro.