Alan Fonteles na disputa do Desafio Mano a Mano

Foto: Divulgação //

Em busca do segundo título, Alan disputará a prova com Richard Browne, Arnu Fourie e Michail Seitis.

A prova paralímpica do Desafio Mano a Mano, que será disputado pela primeira vez na Quinta da Boa Vista, no dia 5 de junho, em uma pista de 100m rasos sobre a água, promete fortes emoções. Alan Fonteles, campeão paralímpico em Londres 2012 nos 200m T44, terá adversários duríssimos para superar. Richard Browne, dos Estados Unidos, é o atual detentor do recorde mundial da categoria. Arnu Fourie, da África do Sul, conquistou a medalha de ouro, também em Londres, na prova do revezamento 4x100m T42-T46. Fechando a lista, Michail Seitis, da Grécia, é o atual detentor do recorde europeu dos 400m rasos T44. 

“São atletas muito bons, que participam de campeonatos mundiais, conhecidos do grande público, então será uma prova muito disputada. Tenho certeza que vai ser um ótimo evento, o Mano a Mano nos dá esta oportunidade de competir em lugares diferenciados, que trazem o público para perto da gente, o que faz uma grande festa. Espero que as pessoas se divirtam e que, nós atletas, possamos fazer um grande show”.

Richard Browne é um dos grandes rivais de Alan na busca pelo bicampeonato paralímpico em 2016. O americano possui hoje a melhor marca da categoria: 10.61s. Competindo pela terceira vez no Desafio Mano a Mano, Richard venceu em 2015, o atleta confessa que gosta de sentir a torcida tão próxima da pista de corrida.

“Esta é a terceira vez que venho competir o Mano a Mano, e posso dizer que é um dos meus eventos favoritos. No Rio tem sempre uma grande multidão nos assistindo, o que torna o desafio ainda mais emocionante. Tenho vontade de correr mais rápido ainda para conquistar recordes. Será uma ótima oportunidade de sentir o clima da cidade e já me preparar para a Paralimpíada”, disse Richard Browne.

Os outros dois desafiantes, que também são estrelas do atletismo mundial, vão estrear no Mano a Mano. Apesar de serem atletas experientes, Arnu Fourie e Michail Seitis estão muito ansiosos para participar do evento.

“Esta será minha primeira vez no Mano a Mano, e estou realmente muito animado para experimentar a vibração do Rio. O formato de disputa é simplesmente brilhante. Estou muito ansioso para correr em uma pista ao ar livre. Ter a torcida tão pertinho da gente é emoção garantida”, declarou Arnu Fourie, atleta da África do Sul.

O grego Michail Seitis considera o Desafio um dos melhores eventos do mundo. “Estou muito feliz por poder correr o Mano a Mano. É um dos melhores eventos do mundo e eu tenho sorte de poder estar lá. Competir no Rio de Janeiro poucos meses antes dos Jogos será como um teste para mim. Quero aproveitar esta oportunidade da melhor forma possível”, finalizou Michail.

Além da disputa paralímpica, o Desafio Mano a Mano contará ainda com provas no feminino e masculino. Primeiro atleta confirmado na disputa masculina, Justin Gatlin será o homem a ser batido. O americano possui o melhor tempo nos 100m rasos no ano de 2015.