Brasil Champions terá jogadores que já ganharam milhões

Foto: Zeca Resendes //

Campeonato apresentado por Embrase começa nesta quinta-feira em São Paulo com 144 atletas de 20 países; convites são gratuitos.

O Brasil Champions apresentado por Embrase, que começa nesta quinta-feira no São Paulo Golf Club, na capital paulista, terá em campo 144 competidores de 20 países que, juntos, já conquistaram cerca de US$ 195 milhões em prêmios na carreira. Destes, 37 atletas já ganharam mais de US$ 1 milhão, somando mais de US$ 170 milhões apenas entre eles.

O competidor mais premiado é o americano John Rollins, com três vitórias no PGA Tour e US$ 18 milhões em prêmios. Outro grande destaque é o espanhol Gonzalo Fdez-Castano, que já venceu sete vezes no European Tour e soma mais de US$ 12 milhões em prêmios. O sul-coreano Charlie Wi e o australiano Greg Chalmers, cada um com mais de US$ 10 milhões conquistados, completam o quarteto daqueles que já acumulam prêmios na casa de oito dígitos.

Outros destaques são os americanos Len Mattiace (duas vitórias no PGA Tour e US$ 7 milhões) e Tommy Gainey “Two Gloves” (uma vitória no PGA Tour e US$ 6 milhões), assim conhecido por jogar com luva nas duas mãos, quando o convencional é utilizá-la apenas na esquerda. Gainey também jogou em São Paulo no ano passado, e foi um dos jogadores mais seguido pelo público.

Brasileiro milionário

O único brasileiro na lista dos milionários é o paulista Alexandre Rocha, que já conquistou mais de US$ 1,7 milhão na carreira, em circuitos como o PGA Tour, que disputou em 2011 e 2012, no Web.com Tour (2013 e 2014), PGA Tour Latinoamérica (2015) e no European Tour e Challenge Tour, ambos da Europa, entre 2004 e 2010.

Terceiro melhor brasileiro no ranking mundial, Rocha ainda tem chances de se classificar para as Olimpíadas, que receberão o golfe novamente após 112 anos de ausência. Foi Rocha quem inaugurou o Campo Olímpico de Golfe, no início do mês, no evento-teste.

Atualmente, o Web.com Tour é a única forma de um golfista conquistar o direito de disputar o PGA Tour. Por isso, o circuito se torna o segundo mais concorrido dos EUA e um dos mais cobiçados do mundo. Três de cada quatro membros do PGA Tour já disputaram o Web.comTour.

Ao final da temporada, os 25 primeiros do ranking do Web.com Tour ganharão a tão sonhada vaga no PGA Tour. Os colocados de 26º a 75º lugar poderão disputar os The Finals, série de quatro campeonatos de US$ 1 milhão em prêmios cada. Este torneio também reunirá 75 membros do PGA Tour que não terminaram entre os 125 primeiros do ano. Esses quatro campeonatos distribuirão outros 25 cartões para o PGA Tour.