Copa do Mundo de Downhill

Foto:Divulgação //

A pista de Skate mais rápida do mundo é brasileira. 

Edição de janeiro do Red Bulletin destaca a Copa do Mundo de Downhill que aconteceu em Teutônia, no interior do Rio Grande do Sul.

A disputa da Copa do Mundo de Downhill, que aconteceu em Teutônia, no interior do Rio Grande do Sul, estampa a capa do Red Bulletin Brasil e foi publicada nas 12 edições da revista ao redor do mundo.

Atletas do mundo inteiro passaram pela Ladeira da Harmonia, que tem 2km de extensão e onde a velocidade dos atletas atinge a marca dos 120 km/h. Munidos de roupas de couro e capacetes, toda ação é milimetricamente calculada para evitar acidentes graves.

“Aqui só tem um jeito de descer, que é o mais rápido possível”, diz Carlos Paixão, campeão da etapa e novo recordista de velocidade da pista. “Ter força é importante para segurar a pressão e não perder velocidade. Outra coisa é jamais tirar o braço de trás do corpo e manter o joelho firme, sempre atrás do outro, com o peito e o queixo no joelho da frente, mirando pra onde você vai, sem olhar pro chão, e mantendo a base aerodinâmica”.

O campeão mundial em 2012, Kyle Wester, 26, americano do estado de Colorado, explicou como é o feeling da descida: “Converso comigo mesmo durante o tempo todo, tento ficar calmo, relaxado e ter a certeza de que estou me divertindo. Tem muita gente boa aqui e quem conseguir segurar a pressão na curva em alta velocidade tem mais chance de ganhar. Encontrar a linha certa nesse asfalto exige muita atenção. É nessa hora que você vê quem está no jogo e quem não”.

Saiba todos os detalhes dessa experiência insana e que deixou o mundo inteiro de boca aberta no Red Bulletin Brasil, que é gratuito e pode ser baixado em tablets ou mesmo ser visualizado online. Basta acessar www.redbulletin.com.br para mais informações.