Feras da natação desembarcam no Rio de Janeiro

Foto: Divulgação //

Além de disputarem o título nas piscinas no domingo, os atletas participaram de ação social com 700 crianças no Complexo Esportivo da Rocinha na última sexta-feira.

Ontem, os nadadores visitaram o Complexo Esportivo da Rocinha. Eles encontraram crianças que fazem natação neste espaço, e deram uma grande aula na piscina, com algumas delas na água, mostrando um pouco de cada estilo de natação. Todas as crianças ganharam lanches e brindes nesta tarde de confraternização com as estrelas da natação mundial. O Complexo Esportivo da Rocinha atende cerca de 4.800 pessoas no total.

No domingo, a competição irá receber grandes disputas, mas o que traz maior rivalidade é a prova de 50m peito, onde Felipe França e Cameron van der Burgh, rivais de longa data, devem travar uma batalha intensa pela vitória. Em 2009, Felipe bateu o recorde mundial da prova, mas no mesmo ano Cameron retirou a marca do brasileiro. O brasileiro deu o troco no Mundial de piscina curta em 2010 e no Mundial de 2011, ficando com o ouro, enquanto o sul-africano ficou com a prata e o bronze, respectivamente.

Nas outras provas, alguns duelos chamam atenção, como a juventude de Matheus Santana contra a experiência de Anthony Ervin (EUA) e Roland Schoeman (AFS) nos 50m livre. No 50m borboleta, Nicholas Santos e o americano Eugene Godsoe conhecem muito bem o evento e devem fazer uma disputa acirrada. Já nos 50m costas, o confronto entre o sul-africano Gehrard Zandberg e o americano David Plummer, chama atenção. Plummer é o atual campeão americano da modalidade, e Zandberg é já foi campeão mundial da prova e voltou bem para ativa.

O DESAFIO PIRAQUÊ RAIA RÁPIDA conta com provas rápidas e emocionantes em 50m nos quatro estilos (borboleta, costas, livre e peito), além de um revezamento 4x50m medley. A equipe verde-amarela enfrentará grandes estrelas da natação mundial, como a equipe dos Estados Unidos, Austrália e África do Sul.

Confrontos Desafio Piraquê Raia Rápida 2014

AUSTRÁLIA – Kurt Herzog (livre) / Jayden Hadler (borboleta) / James Stacey (peito) / Daniel Arnamnart (costas).

BRASIL – Matheus Santana (livre) / Nicholas Santos (borboleta) / Felipe França (peito) / Guilherme Guido (costas).

ESTADOS UNIDOS – Anthony Ervin (livre) / Eugene Godsoe (borboleta) / Mike Alexandrov (peito) / David Plummer (costas).

ÁFRICA DO SUL – Roland Schoeman (livre) / Giulio Zorzi (borboleta) / Cameron van der Burgh (peito) / Gehard Zandberg (costas).