3 de dezembro de 2015

Grande Final da Star Sailors League

imagem_release_550982

Foto: Divulgação //

Brasileiro está correndo ao lado do neozelandês Hamish Pepper; Jorge Zarif não fez uma boa estreia e aparece em 19º.

Os primeiros rounds classificatórios da Star Sailors League começaram ontem na baía de Montagu, em Nassau, nas Bahamas, com quatro regatas de vento fraco. O alto nível da flotilha foi logo comprovado com quatro vencedores diferentes em cada disputa, incluindo o brasileiro Bruno Prada, que está velejando ao lado do neozelandês Hamish Pepper. Com nove medalhistas olímpicos e sete campeões mundiais, a Final da SSL oferece uma competição acirrada, com disputa intensa e muitas trocas de posições, testando a concentração da flotilha.

Xavier Rohart e Pierre-Alexis Ponsot, da França, deixaram as suas intenções bem claras desde o início ao vencerem a primeira regata, abrindo três pontos de vantagem na liderança geral após quatro provas. Diego Negri e Sergio Lambertenghi, da Itália, aparecem em segundo e se mostraram bastante entrosados, especialmente no contra-vento, mas erraram na terceira regata e acabaram sendo ultrapassados por todas as duplas no último popa, para acabar em último, assumindo este resultado como o descarte. Hamish Pepper e Bruno Prada se recuperaram bem do 11º na primeira regata e terminaram o dia com uma vitória e um segundo lugar, aparecendo na terceira colocação geral. Georze Szabo (USA) e Edoardo Natucci (ITA) foram bem em três das quatro regatas, terminando entre os três melhores e encerraram o dia na quarta colocação. Apenas um ponto atrás estão Mateusz Kusznierewicz e Dominik Zycki, da Polônia, que tiveram uma bela disputa contra os franceses Jean-Baptiste Bernaz e Pascal Rambeau durante a terceira prova, até a linha de chegada.

Após quatro regatas, a disputa pela final no sábado já está tomando forma, com seis times lutando pelo 11º lugar (apenas os top 11 passam para a final). Augie Diaz e Arnis Baltins (USA) são os mais próximos da zona de perigo, em 10º e na sua cola estão cinco times VIPs: Tonci Stipanovic (CRO) e Massimo Canali (ITA), Lorenzo Chiavarini (GBR) e Brian Faith (USA), Ian Williams e Steve Mitchell (GBR), Luke Lawrence e Ian Coleman (USA) e Ivan Gaspic e Ante Sitic (CRO).

Os também convidados VIPs Jochen Schuemann e Ingo Borkowski, da Inglaterra, conquistaram três bons resultados e aparecem na 7ª colocação, oito pontos à frente de Johannes Polgar e Markus Koy, da Alemanha, em 8º.

A competição continua nesta quinta-feira e quatro regatas estão programadas para o segundo dia do round classificatório. As provas poderão ser assistidas ao vivo pelo site http://bit.ly/1jAhel2 com comentários de velejadores convidados direto do estúdio e com lindas imagens e gráficos direto da água, oferecidas pelo Virtual Eye. Quem estiver em casa também poderá disputar a regata virtual. Para mais informações acesse www.starsailors.com.