24 de setembro de 2015

Igor Amorelli já treina no Havaí visando Mundial

unnamed

Foto: Fabio Piva //

Restam apenas três semanas para o maior evento de triathlon da temporada.

O Mundial de Ironman, realizado todos os anos no mês de outubro, em Kona, no Havaí, acontece no próximo dia 10 e o catarinense Igor Amorelli já está no local da prova fazendo sua preparação final para o grande evento do ano. Após meses de treinamentos, a fase final para chegar 100% no dia da competição será feita em território americano.

Acompanhado de seu treinador, Igor chegou ao Havaí no último final de semana para aclimatação e reconhecimento do local de competição. “Nós decidimos vir três semanas antes para o Havaí para finalizar a preparação. No entanto, toda a temporada foi feita pensando nessa prova e nos últimos meses o foco foi total em Kona. Esse é o nosso grande objetivo. Esperamos fazer uma grande prova aqui”, comenta Igor, dono do melhor resultado de um brasileiro em mundiais de Ironman com 8h34min59seg, em 2013.

Com presença dos melhores competidores de longa distância do mundo no Havaí, Igor sabe que o nível da prova será muito alto, mas o atleta sabe que tem tudo para conseguir um bom desempenho. “Eu não estou pensando muito em posição, estamos trabalhando para conseguir encaixar uma boa prova. Esse é o objetivo. Em 2013 nós tivemos um bom resultado, mas ano passado a prova não encaixou bem”, explica.

E a temporada tem sido muito boa para Amorelli. No mês de maio, durante o Ironman de Florianópolis, Igor conseguiu estabelecer sua melhor marca pessoal nos 3,9km de natação, 180km de ciclismo e 42km de corrida ao se tornar o primeiro sul americano a fazer a distância abaixo de 8 horas. “Florianópolis tem sido um lugar importante para mim. Ano passado vencemos a prova e esse ano conseguimos baixar de 8 horas. Agora precisamos fazer com êxito aqui no Havaí o que fizemos em Santa Catarina”, comenta.

Berço do Ironman, a prova de Kona tem se tornado uma obsessão para qualquer triatleta no mundo. A prova reúne uma seleta elite de aproximadamente dois mil competidores que se classificaram ao longo do ano para o maior evento da série Ironman no planeta. Este ano três brasileiros participam da categoria elite – além de Igor Amorelli o país terá Ariane Monticelli e Guilherme Manocchio – além de 95 atletas nas categorias de faixa etária.