10 de novembro de 2013

Mizuno Uphill Marathon


Selecionados que vão subir a Serra do Rio do Rastro participaram do congresso técnico nesse sábado. Faltam 21 dias para a primeira maratona de subida do Brasil

Superação é a palavra de ordem entre os participantes da Mizuno Uphill Marathon, primeira maratona que será disputada em uma subida no Brasil. Os 50 atletas selecionados pela marca para correr na Serra do Rio do Rastro, em Santa Catarina, participaram do congresso técnico da prova, nesse sábado, na sede da Mizuno em São Paulo (SP).

“A prova vai ser muito mais difícil do que todos estão pensando”, afirma o médico ginecologista e obstetra Fred Vieira. As 256 curvas, no percurso que terminará a 1.418 metros acima do nível do mar caracterizam um desafio inédito e intrigante para quase todos os escolhidos. Menos para o médico, que nasceu em Lauro Muller, uma das cidades que compõem o percurso da Uphill Marathon.

“Um dos trechos do percurso passará na rua onde eu cresci. Vai ser emocionante”. Fred treina no local, mas nem por isso acha que levará alguma vantagem contra os concorrentes. ““Estou acostumado, já que faço meus treinamentos na região, mas isso não me dá vantagem nenhuma. Corrida depende muito do momento de cada um”, afirmou Fred, que terá a torcida dos familiares e amigos catarinenses.

“Vai ser o maior desafio da minha vida”, contou Karina Brito, paulistana que há seis anos mora no Rio de Janeiro (RJ). Profissional da indústria farmacêutica, Karina concilia seu trabalho com o treino acordando cedo todos os dias da semana. “Desde que recebi o convite intensifiquei meus treinamentos. Fiquei muito surpresa e honrada por ser uma das selecionadas e agora é focar na preparação para fazer bonito”, disse a participante que já correu oito maratonas na vida.

Serão 42.195 quilômetros em ascensão em percurso que mesclará a dificuldade com o visual paradisíaco da região serrana catarinense. A largada da Mizuno Uphill Marathon será na praça central de Treviso, passando pela rodovia SC-447, atravessará a cidade de Lauro Müller, seguindo pela rodovia SC-438, onde fica a Serra do Rio do Rastro. A chegada será em Bom Jardim da Serra, com inclinação média de 7%, podendo atingir até 35%.

“Certamente será um desafio inédito e inesquecível para os 50 participantes selecionados. Conseguimos aliar a dificuldade de uma maratona na subida com o visual imperdível da Serra do Rio do Rastro. Inovação está no DNA da Mizuno e mais uma vez saímos na frente lançando essa corrida que tem tudo para fazer história no esporte mundial”, diz Rogério Barenco, Gerente da Mizuno no Brasil.

Sobre a Mizuno

Multinacional centenária com origem no Japão, a Mizuno oferece aos esportistas o que há de mais avançado em tecnologia, disponibilizando uma linha completa de produtos em diversas modalidades. A marca é líder nacional na categoria running performance e pioneira na inovação tecnológica que leva em conta as diferenças biomecânicas entre homens e mulheres, por meio do conceito Gender Engineering.

Sobre a Alpargatas

Líder no setor de calçados na América Latina, a Alpargatas é detentora de marcas desejadas como Havaianas, Dupé, Topper, Rainha, Mizuno, Timberland, Sete Léguas, Meggashop e, recentemente, adquiriu 30% do capital da marca Osklen. A Companhia oferece produtos inovadores com tecnologia e design e possui competência na construção e gestão de marcas desejadas, que proporcionam forte relação com os consumidores. Com receita líquida de R$ 3 bilhões em 2012, a Alpargatas possui fábricas no Brasil e na Argentina, 518 lojas em todo o mundo e exporta para 85 países.