Nissan FIS South American Snowboard Cup

Imagem: Divulgação CBDN  // 

Isabel Clark conquista título geral da Nissan FIS South American Snowboard Cup.

Com novo segundo lugar, a snowboarder carioca garantiu classificação ao circuito da Copa do Mundo de Snowboard Cross.

Principal rider do continente, Isabel Clark segue soberana na América do Sul quando se trata de Snowboard Cross. Na última sexta-feira (22), a brasileira subiu mais uma vez ao pódio na Nissan FIS South American Snowboard Cup, disputada em Corralco (Chile), ficando na segunda colocação. Com a segunda prata em dois dias, ela também conquistou o título geral sul-americano e uma vaga no concorrido circuito da Copa do Mundo.

Isabel foi superada somente pela canadense Meryeta Ondine, que venceu a Big Final desta sexta. Em terceiro, a chilena Antonia Yanes, de apenas 14 anos, completou o pódio. Entre os homens, Tomas Galan de Malta (ARG) foi o melhor do dia, com Zack Kostigan (CAN) e Brett Bernsden (CAN) em segundo e terceiro, respectivamente.

“Pela primeira vez Corralco foi cenário dessa competição, que completa 20 anos”, exaltou Stefano Arnhold, presidente da Confederação Brasileira de Desportos na Neve, sobre o evento organizado em conjunto com SMK Sports Marketing e Corralco Mountain & Ski Resort, e que faz parte do TNT Nissan Freestyle Tour 2014. “O grande destaque foi a Isabel, campeã overall sul-americana, que conquistou, mais uma vez, um personal spot na Copa da Mundo”.

Outro resultado importante para o Brasil foi do jovem Lucas Alves, que fez sua estreia em competições internacionais nessa Copa Sul-americana. A revelação brasileira, que já competira na quinta, foi o terceiro melhor brasileiro da prova, mostrando mais confiança e desenvoltura no percurso.

“Ontem fiquei ansioso, mas conversando com o Gastón (Ortiz, psicólogo da equipe), me acalmei. Entrei com o pensamento de desfrutar do esporte e me divertir na pista. Fiz uma classificação muito melhor que ontem (quinta) e nas baterias bobeei um pouco na largada, mas fui atrás dos adversários com tudo que eu tinha. Aprendi que eu tenho muito a crescer e ainda posso me desenvolver bastante para melhorar”, comentou o paulista.

Para o vencedor da prova masculina e campeão geral sul-americano, Tomas Galan de Malta, o resultado também foi muito importante. “Estou muito feliz pelo resultado. Foi uma pista muito boa e uma disputa difícil. Estou contente com essa conquista”, declarou.

A próxima parada do Snowboard brasileiro é em Antillanca (Chile), onde serão disputadas as provas nacionais e sul-americanas de Slopestyle nos dias 31 de Agosto e 1º Setembro. Marcos Batista, principal especialista do Brasil na prova, contará com a companhia de Raquel Iendrick e da estreante Wesley Huntington.