9 de outubro de 2015

Raiza Goulão é vice-campeã do Troféu Brasil de MTB

265757_546193_img_20151004_wa0044

Foto: Divulgação //

Também na Taça Brasil, Rubinho Valeriano foi terceiro colocado da elite e somou pontos nos rankings olímpicos.

Os ciclistas patrocinados pela Specialized foram destaque na terceira e última etapa da Taça Brasil de MTB, em Rio das Ostras (RJ). Com classificação C1, ou seja, 60 pontos aos campeões nos rankings mundial e olímpico, Raiza Goulão e Rubinho Valeriano, ambos da AOO Specialized e concorrentes à vaga na Olimpíada Rio 2016, terminaram a prova com o vice-campeonato e terceira colocação, respectivamente. Sofia Subtil, na sub-23, e Érick Bruske, na júnior, também chamaram atenção, ao levarem mais uma vez o título em suas categorias.

Em ambas as elites, a presença de ciclistas estrangeiros em preparação para o Aquece Rio, no próximo domingo, em Deodoro, Rio de Janeiro, elevou o nível da competição. “Estou muito feliz com essa prova. Somei mais 40 pontos e pude aumentar um pouquinho minha diferença nos rankings internacionais para minhas rivais brasileiras. Fiquei bem satisfeita com meu desempenho, resultado da minha dedicação e empenho neste ano”, comemorou Raiza, que pedalou com sua fiel escudeira, a S-Works Era.

“Agora é descansar um pouco nesses dias, porque já no fim de semana teremos pela frente o Aquece Rio, com a presença dos melhores ciclistas do mundo e será bem mais puxado. E, uma semana depois, a Brasil Ride, que irei competir junto com a Vivi Favery. Quero agradecer muito ao mecânico Zé Maciel, da nossa equipe e da Pedal Urbano, bem como o Cláudio, presidente da Federação de Ciclismo do Rio de Janeiro (FECIERJ), que me ajudou muito com o traslado do aeroporto para Rio das Ostras”, completou.

No masculino, Rubinho esteve durante toda a prova entre os cinco primeiros colocados. “A Taça Brasil foi bastante disputada, com a presença de três italianos, o que elevou o nível. Eles se posicionaram bem, junto comigo, Henrique Avancini e Fred Mariano após o início. A partir da terceira volta, fizeram um ataque e nós ficamos para trás. Perseguimos eles, consegui um ataque em relação ao Avancini e ao Fred e passei dois italianos, com problemas técnicos”, relembrou Rubinho, que optou por competir com a hardtail S-Works Stumpjumper HT World Cup.

“Porém, ao abrir a última volta senti cansaço. Fui ultrapassado pelo Avancini, que chegou a abrir 20 segundos de mim. Na sequência, foquei em me hidratar bem e diminui a desvantagem para apenas dois segundos nos 2 km finais. Estou muito contente com o terceiro lugar. Agora é descansar, consciente de que marquei mais pontos no ranking mundial e das nações”, destacou Rubinho. “Estou ansioso para o Aquece Rio. No último, evento-teste para Londres 2012, fiz uma ótima 10ª colocação e espero que, por estar em casa no próximo domingo, eu possa ir ainda melhor. Minha expectativa é alta, porque me sinto muito bem fisicamente”, complementou.