Rodrigo Baptista estreia na Pirelli World Challenge

Foto: Divulgação //

Competição norte-americana de carros de turismo tem início nesta sexta-feira em Saint Petersburg, na Flórida, com a primeira de nove etapas da categoria GTS.

Acostumado a grandes desafios em sua curta carreira, o jovem Rodrigo Baptista, de 20 anos, faz nesta semana a estreia na Pirelli World Challenge (PWC). Rodrigo disputará a abertura da competição norte-americana em Saint Petersburg, na Flórida, entre sexta e sábado, na categoria Grand Touring Sedan (GTS). Integrante da equipe Flying Lizard Motorsport, o atleta do HTPro Team pilotará o modelo Cayman GT4 Clubsport MR, na estreia da Porsche no evento.

“Minha expectativa é boa para a estreia na PWC. Consegui me adaptar rápido com o carro e também treinei um pouco em um simulador profissional, que me ajudou bastante para meu primeiro treino e acho que vai ajudar muito para a corrida nos próximos dois dias. Não dá pra ter muita noção do que terei pela frente, por ser uma pista de rua. Inclusive, esta será minha primeira corrida em um traçado desse tipo”, destaca Rodrigo Baptista, que pilotará o carro de número 3.

Apesar da distância para o Brasil, onde Digo disputará também nesta temporada a Porsche GT3 Cup nas categorias sprint e endurance, com início no fim de semana dos dias 18 e 19 de março, em Curitiba, o piloto da HTPro Team já encontra-se adaptado a equipe Flying Lizard Motorsport. “A equipe me pareceu muito profissional e dedicada, estamos com um suporte da fábrica da Porsche muito bom”, finaliza o atleta.

No Pirelli World Challenge Championship, Rodrigo Baptista terá nove corridas na categoria GTS. Após Saint Petersburg, ele compete na etapa de Virginia no fim de abril, Ontario (CAN) e Connecticut, ambas em maio, Wisconsin (junho), Ohio (julho), Utah (agosto), e as últimas duas provas da classe em setembro, em Texas e em Sonoma, cidade-sede da Flying Lizard, na Califórnia. Pela Porsche GT3 Cup, Digo terá pela frente a etapa de Curitiba (sprint), em março, Interlagos (sprint), em maio, Velo Città (sprint), em junho, Goiânia (endurance), em julho, Buenos Aires e Termas de Río Hondo, ambas da sprint, em agosto, Curitiba (endurance), em outubro, e Interlagos nas categorias sprint e endurance, em novembro e dezembro, respectivamente.