8 de novembro de 2015

Rubinho e Isabella vencem o Desafio da Ladeira

268727_555503_img_9746

Foto: Bruno Fernandes //

Com a vitória na primeira disputa em Congonhas (MG), Rubinho isola-se na liderança da Copa Internacional Levorin de MTB. Já Isabella aproxima-se de Érika Gramiscelli na briga pelo título, apenas cinco pontos atrás da líder.

Os ciclistas mineiros Rubinho Valeriano e Isabella Lacerda começaram com tudo na decisão da Copa Internacional Levorin de MTB, em Congonhas, ao venceram a primeira disputa do evento realizada na noite da última sexta-feira, o Desafio da Ladeira de Uphill. Com os 20 pontos ofertados aos campeões no ranking geral da competição, Rubinho viu a vantagem de 19 pontos aumentar para 39 em relação ao seu principal rival pelo título de 2015, o suíço Lukas Kauffmann. Entre as mulheres, Isabella tirou cinco pontos de diferença para Érika Gramiscelli, terceira colocada no Desafio da Ladeira. Enquanto Érika é a líder, com 129 pontos, Isabella soma 124.

Com a vitória do Desafio da Ladeira, Rubinho soma agora 126 pontos no ranking geral de 2015 e está muito próximo do seu sexto título da maior competição de mountain bike da América Latina. Seu principal rival no momento, Lukas Kauffmann, tem 87 pontos. “Depois do Aquece Rio me preparei muito para essa decisão da CIMTB Levorin, e decidi correr o Desafio para testar minhas pernas. Me senti muito bem. Estou feliz e confiante para tentar o hexacampeonato, mas agora o pensamento está em descansar, porque as duas subidas realizadas me fizeram gastar muita energia”, contou Rubinho. Completaram o pódio Marcelo Mosart, Mario Oliveira, Bruno Martins e Halysson Ferreira.

“Domingo será uma Maratona muito difícil. Muitos atletas se pouparam hoje (sexta-feira) e não largaram, porque no percurso de 60 km tudo pode acontecer. Será totalmente diferente da minha prova característica, que é o Cross Country Olímpico (XCO), por isso resolvi correr com tudo nesse Desafio da Ladeira, para tentar abrir uma boa vantagem no ranking. Na disputa final, válida pela última etapa da UCI Marathon Series, terei de trabalhar de forma estratégica, marcar quem está mais próximo de mim na briga pelo título e tentar fazer uma prova constante”, completou o líder da CIMTB Levorin.

No feminino, Desafio esquenta a briga pelo título

O Desafio da Ladeira foi intenso e mostrou que as mulheres da CIMTB Levorin estão na “ponta dos cascos”. Nove atletas se aventuraram na disputa de uphill nas pedras de Congonhas. Além da emoção e força habitual que as meninas demonstraram, o resultado final acirrou de vez a luta pelo título da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike entre Isabella Lacerda, vencedora do Desafio, e Érika Gramiscelli, hexacampeã da competição.

A vencedora do Desafio da Ladeira está confiante para buscar o tricampeonato da CIMTB Levorin em 2015. “A cabeça está boa e eu vim brigar pelo campeonato. Sabia que, ganhando o Desafio da Ladeira, ajudaria na prova de domingo. Mas isso não quer dizer que tem algo ganho. É uma prova longa, sei que dependo dos meus esforços e tudo pode acontecer. Claro, espero que tudo ocorra bem”, disse Isabella Lacerda.

Isabella se credenciou para tentar ser campeã de 2015 da CIMTB Levorin na etapa de Congonhas, hoje. Com os 20 pontos anotados na prova, ela está a apenas cinco de Érika Gramsicelli, terceira colocada no Desafio da Ladeira, que marcou 15 pontos, na classificação da Copa Internacional Levorin de MTB. Completaram o pódio Ana Panini, com o vice-campeonato, e Letícia Candido e Karen Olimpio, na quarta e quinta colocações, respectivamente.

O resultado do Desafio da Ladeira 2015 pode gerar a repetição de um feito no feminino: caso Isabella Lacerda vença a Etapa de Congonhas, ela vai igualar a performance de 2014 quando venceu o Desafio e a prova de Maratona da CIMTB Levorin. A receita para nova dobradinha? “No ano passado eu larguei bem e forcei muito no início. Tive câimbras mas consegui superar esse contratempo. Espero fazer outra boa largada não sentir nenhum desconforto”, conclui a atual bicampeã da competição.