SPAC vence etapa do Super Sevens

Foto: Cristiano Andujar/Fotojump //

Resultados favorecem o Niterói, que agora lidera do Circuito Feminino de forma isolada.

Após dois dias de rugby de alto nível em Florianópolis, Santa Catarina, o SPAC (SP) sagrou-se campeão da 3ª etapa do Super Sevens – Circuito Feminino de Rugby Sevens –, realizada neste sábado, 6, e domingo, 7. Como diversas equipes estavam desfalcadas das atletas da Seleção Brasileira, a etapa teve algumas surpresas, como as fracas campanhas do então líder Charrua (RS), que ficou apenas no 7º lugar, e do São José (SP), 8º. Quem se aproveitou da situação foi o Niterói (RJ), novamente vice-campeão na etapa, mas agora líder isolado do Circuito Feminino, com 60 pontos.

Os jogos

A campanha do SPAC começou irregular, com um empate por 7 a 7 com o Curitiba (PR), e uma derrota para as donas da casa, do Desterro (SC). As vitórias na terceira partida, diante do Urutau (PR), e no último jogo da fase de grupos, contra o Charrua, por 7 a 5, colocaram o time paulistano na segunda colocação do grupo A, atrás do Desterro e na frente do Curitiba apenas nos critérios de desempate.

No segundo dia de competição, entretanto, o SPAC mostrou competência para superar o Vitória (ES) por 12 a 7, na semifinal da Taça Ouro, e o Niterói por 10 a 0, na grande final. O Desterro, que fez campanha impecável no primeiro dia, não conseguiu os mesmos resultados no segundo, e acabou em terceiro lugar, sua melhor colocação em etapas desta temporada do Super Sevens.

Com os resultados da etapa catarinense do Super Sevens, o Niterói assumiu a liderança isolada do Circuito Feminino, com 60 pontos ganhos. O segundo colocado agora é o Charrua, 58 pontos, seguido por SPAC, com 52. São José e Desterro aparecem empatados no 4º lugar, com 45 pontos ganhos, enquanto o Vitória tem 31, na 6ª colocação. BH Rugby e Curitiba completam a classificação das equipes fixas da competição. Para mais informações e resultados completos, acesse o hotsite da competição: http://www.supersevens.com.br.