14 de setembro de 2015

Wellington Bezerra consolida liderança do ranking nacional

263799_540125_256a7536a

Foto: Luiz Doro //

Vice-campeões, Gilmar Silvestre e Sueli Pereira foram os melhores brasileiros no Brazil Run Series/Circuito CAIXA no DF.

Sempre decisiva para os primeiros colocados do ranking brasileiro de corrida de rua, a etapa de Brasília do Brazil Run Series/Circuito CAIXA deste último domingo consolidou Wellington Bezerra na liderança. O pernambucano cruzou a linha de chegada em terceiro e aumentou a vantagem para o vice-líder, Sivaldo Viana. Num dia que surpreendeu os 2.500 corredores com chuva forte e umidade de 88%, os quenianos Paul Kimutai e Delvine Meringor levaram a melhor, seguidos de perto por Gilmar Silvestre e Sueli Pereira, vice-campeões e melhores brasileiros na disputa.

Com o terceiro lugar no Distrito Federal, Wellington Bezerra abriu uma diferença de 19 pontos na liderança sobre Sivaldo, 11º neste domingo. A prova também marcou a estreia do pernambucano pela equipe de atletismo do Cruzeiro. O objetivo, agora, é manter o ritmo e continuar somando pontos para assegurar o primeiro lugar no final da temporada. Restam mais nove provas no calendário, entre elas quatro etapas do Brazil Run Series/Circuito CAIXA: Ribeirão Preto, Curitiba, Belo Horizonte e São Paulo.

“Foi uma prova difícil pela altitude, com um percurso mais plano, e o clima. Estava treinando em São Paulo, com umidade mais controlada, então senti bastante. Mas abrir essa vantagem na liderança, faltando poucas provas para o final da temporada, está de bom tamanho”, comemorou Wellington.

Vice-campeão, Gilmar Silvestre travou um duelo acirrado com Paul Kimutai e cruzou a linha de chegada apenas 9 segundos atrás do queniano. Mesmo sofrendo com uma gripe, o atleta mostrou-se satisfeito com o resultado. “Foi uma prova muito bem disputada com o queniano. A gripe atrapalhou um pouco e não consegui acompanhá-lo no final. Mas estou muito feliz com o segundo lugar”, afirmou.

Rumo aos Jogos do Rio 2016 – Pré-classificada para a maratona dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016, após obter o índice, Sueli Pereira voltou a se destacar no Brazil Run Series/Circuito CAIXA. A goiana foi a vice-campeã e melhor brasileira na disputa no Distrito Federal, apenas 18 segundos atrás da queniana Delvine Meringor, representando o Centro-Oeste no pódio. “Foi uma prova bem difícil. Apesar de ser um percurso plano, não pude vencer, como queria, mas foi um bom resultado. O tempo ajudou um pouco. Com essa chuvinha, deu uma refrescada e não sentimos tanto”, disse Sueli.

Também em busca do sonho de disputar a Olimpíada em casa, Marizete Moreira voltou às corridas de rua em grande estilo. Tetracampeã da Meia Maratona de Brasília e bicampeã da Maratona Internacional de São Paulo, a baiana radicada em Brasília recuperou-se de uma cirurgia na base do maior osso do pé, o calcâneo, e vem retomando o ritmo de competição. Nesta temporada, foi quinta colocada geral e segunda brasileira na Maratona de São Paulo, sétima geral e quinta brasileira na Meia Maratona do Rio de Janeiro. O oitavo lugar na prova deste domingo não era o esperado, mas a velocidade agradou.

“A gente treina sempre para vencer, mas nem sempre é possível. O mormaço que veio com a chuva me surpreendeu, e eu fiz um volume alto de treinos na semana, de 30 km. Tudo isso cansa um pouco. Mas provas como a do Circuito CAIXA, de 10 km, ajudam a ganhar velocidade, e sinto que estou evoluindo. Logo estarei 100%”, garantiu Marizete.